Móveis para casa de praia — Saiba escolher corretamente!

A decoração de um imóvel litorâneo é tão importante quanto a localização dele, então, saber quais móveis são os mais indicados para casa de praia (ou apartamento!) pode te auxiliar tanto no estilo que você pretende dar ao lar, como também para melhor lidar com a umidade do ambiente.

Agora que você já sabe porque investir em um imóvel na praia, pois já falamos disso em nosso blog nas últimas semanas, vamos saber como decorar!

No ambiente litorâneo, os inimigos são diferentes dos encontrados na selva de pedra: substitua o estresse e a correria contantes pela maresia e a umidade do ar que estão por todos os lados, dentro e fora de casa. Por isso, para te ajudar na decoração desse espaço de forma assertiva, temos ótimas dicas de móveis para sua casa de praia. Continua a leitura e confira:

Ah, mas minha casa de praia é um apartamento…

apartamento decorado na beira da praia

Nós podemos imaginar que sim, mas é bem mais usual e enraizado em nossa cultura curtir nossas férias, o descanso, o recesso na “casa da praia”. Então, quando usamos aqui nessa publicação esse termo, ele é muito mais amplo do que a nomenclatura do imóvel ali citada.

E de todo modo, seu apartamento, ou flat, ou duplex na praia também precisa observar os cuidados essenciais na decoração para que os móveis não de desgastem com facilidade, ou ainda pior, que seus pertences guardados dentro deles não sejam degradados rapidamente.

Cá entre nós, ninguém quer jogar dinheiro fora, e com nossas dicas de móveis corretos para casa de praia o investimento será certo!

De fora para dentro: área externa do imóvel na praia

Nós poderíamos perder linhas afirmando para você que seus móveis da parte externa da casa na praia terão a mesma linha de conservação como os que você possui no seu apartamento longe da maresia, mas não é verdade.

Nesse ambiente, não tem jeito: os efeitos da maresia, pelas pequenas gotas de água do mar em forma de vapor que circulam no ar, e até a própria umidade do ar – que é maior, visto sua proximidade com a natureza – podem ser bastante corrosivas, e disso não dá para fugir.

A maresia pode chegar até a 50 metros de altura e 5km de distância do mar, e pode ser arrastada pela umidade do ar. Ok, então, você já aceitou essa realidade. Como burlar esse processo eletroquímico nos móveis do ambiente externo da casa de praia? Anote:

Madeira e pedras são opções melhores quando se trata de durabilidade

A madeira, por ser uma matéria orgânica, mesmo que bastante resistente, tem de ser devidamente protegida. Nossas sugestões são:

  • óleo de peroba;
  • lustra móveis específico para madeira;
  • e, no caso de pisos e decks, o ideal é aplicar no mínimo 1 vez por semana o verniz naval (ou verniz marítimo).

PVC, porcelanato, alumínio e aço inox são menos suscetíveis à corrosão

Decoração de casa de praia com itens de alumínio, porcelanato e madeira

O PVC é o material da estrutura das cadeiras de praia da área externa, por exemplo, que também poderiam ser de alumínio. No segundo caso, é interessante investir em tintas com esmalte sintético, epóxi, anodização ou eletrostática.

Suas dobradiças, fechaduras, parafusos, maçanetas, etc., devem ser de aço inox pela ótima durabilidade e por burlar a corrosão atmosférica. E não só na parte externa, mas no apartamento de praia todo.

Sobre os tecidos para cadeiras, sofás externos, etc.:

Opte por tecidos de fibra sintética e à base de poliéster

Os tecidos dos sofás e das almofadas devem seguir essas recomendações, e mais uma: impermeabilização. A proteção impermeabilizante é à prova não somente de maresia e umidade, mas também dos raios solares.

Sofá feito em tecidos de poliéster

Móveis certos para o interior da casa de praia

A parte externa é sempre a mais preocupante pela exposição direta, mas não podemos deixar de lado a região e os móveis internos da casa de praia, pois eles também sofrerão com a maresia e umidade.

Cozinha sem ferrugem!

Talvez o espaço que você mais fique na praia, após o próprio mar e a área externa, é a cozinha. O pós-mar dá fome, e nem sempre você quer sair para se alimentar. E ademais, não existe casa sem cozinha, muito menos a da praia.

O grande problema da cozinha é que ele segura em si bastante umidade do ar – lá de dentro mesmo e do ambiente litorâneo –, então se estamos considerando altas possibilidades de ferrugem, esse é o ambiente interno a se cuidar.

Como as dicas do ambiente externo foram bem completas, vamos reaplicá-las nesse ambiente:

  • a madeira dos armários deve sempre ser protegida com óleo de peroba e lustra móveis – no mínimo uma vez por semana;
  • o tampo da pia e o balcão da cozinha devem ser de pedra, então invista em mármores e outras opções semelhantes;
  • as dobradiças e maçanetas devem ser de aço inoxidável, bem como os eletrodomésticos do ambiente;
  • no interior da casa use tintas impermeabilizantes, visto que as paredes da casa são porosas, e conseguem absorver facilmente as partículas de água e sais que a maresia carrega;
  • quanto aos móveis, invista sempre na montagem deles com passagem de ar;
  • prefira peças anti-mofos e anti-maresia.

Sala e quartos aconchegantes

sala de uma casa na praia com móveis adequados

Os móveis da sua sala precisam ser confortáveis, bonitos, mas também resistentes aos efeitos da temida maresia. A dica da impermeabilização de tecidos é uma dica constante, então nos tecidos da sala essa medida não pode faltar! Procure tecidos aquablock e agradáveis ao toque do corpo.

Ambientes claros são sempre mais interessantes e mais gostosos, principalmente para móveis da casa de praia.

Para dar mais personalidade ao ambiente, temos outros posts que pode te ajudar! Confira:

Banheiros sem mofo

Se a umidade já é imensa no ambiente litorâneo, imagine o banheiro? Por ser o cômodo mais suscetível a mofo, ele deve ter os cuidados com aço inoxidável e madeira desse cômodo – mais que dos outros – deve receber uma camada protetora de verniz marítimo ou resina.

Mas para evitar mesmo dores de cabeça, aqui vai a dica de outro: invista em itens de cerâmica e vidro. A limpeza fica fácil e o mofo não se prolifera mesmo se a casa permanecer fechada um tempo.

Assim já fica mais fácil preservar o ambiente de descanso, não é mesmo? Casa de praia decorada, confortável e livre de ferrugens e mofos. Agora é só aproveitar o merecido descanso!

Deixe uma resposta